Perspectivas para a semana

A agenda de divulgação de dados econômicos dessa semana tem indicadores importantes, como a Ata do Copom e o IPCA de maio. Nos EUA, serão divulgados dados de vendas de imóveis pendentes, relatório mensal de orçamento, vendas no varejo, CPI e confiança do consumidor. O mercado tende a trabalhar com expectativas de que o FED não baixará mais os juros dos EUA no curto prazo. Na semana passada, Bernanke afirmou que o atual nível de juros é adequado para impulsionar o crescimento sustentável da economia norte-americana com estabilidade de preços. Além disso, a atividade nos EUA dá claros sinais de fraqueza, com elevação inesperada da taxa de desemprego para 5,5%, ISM da indústria e comércio fracos, no nível de 50 pontos e continuidade de queda dos gastos de construção em abril (-0,4%). Além desses fatores, o mercado ainda terá que conviver com resultados fracos dos bancos nos EUA, que divulgam balanços referentes ao 2T08 durante o mês de junho.

Tendência de Curto Prazo: “DE LADO”

Fonte: investemais.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas