A Procura da Felicidade

Para aqueles que estão "À procura da Felicidade" o filme ensina algumas lições.

"Este filme conta a história verídica de Chris Gardner, vale a pena conferir..."

1.O cara da Ferrari. Chris Gardner fica maravilhado com a pinta de um cara que está dirigindo uma Ferrari. Curioso ele aborda o motorista quando esse estaciona, "Desculpe, mas eu tenho duas perguntas para você. O que você faz e como você faz?". A vida de Chris Gardner muda completamente depois desse encontro. A cabeça dele se abre para novas possibilidades. Ele vê que estava totalmente por fora do mundo, e que existe a possibilidade de ser feliz em outros lugares, não apenas naquilo que ele conhecia. O motorista da Ferrari é um corretor de ações. Apesar de estarmos nos anos 80, onde todos deveriam saber o que é um corretor de ações, Chris Gardner nunca havia ouvido falar disso. O mundo restrito de Chris Gardner se abre para novas possibilidades quando aprende o que é um corretor de ações e que as premissas para ser um não são tão difíceis assim. A cena é fantástica, assista ao filme novamente para sentir o que estou falando.

2. Todos nós temos que lidar com as nossas montanhas. O filme procura mostrar que todos nós precisamos encarar a realidade de frente, subir nossas próprias montanhas, e ajudar o colega ao lado a fazê-lo quando a coisa engrossar.

A história de Chris Gardner é justamente assim. Nos momentos cruciais da sua vida, alguém aparece para ajudá-lo. O cara da Ferrari, o scanner revolucionário, o senhorio que troca o aluguel pelo trabalho de pintar o quarto, os médicos que recebem o Chris para ouvir o seu discurso sobre o scanner, o cara do RH que liga na casa dele bem na hora que a esposa dele vai embora, o presidente da Dean Witter que resolve brincar com o fato de Chris estar sem camisa na entrevista, etc etc etc.

O ponto é: TODO CONTATO que fazemos com outro ser humano ao longo do dia TEM O PODER de transformar a vida da pessoa. Alguém, hoje, na hora do almoço, vai cruzar o seu caminho, e um simples sorriso, abraço, um mínimo de respeito e educação pode ser o suficiente para levantar a bola do cara, e dar a ele outro mês de oxigênio, como aconteceu com Chris Gardner.

3. À Procura pela Felicidade passa pela área de vendas. Vendedor de verdade AJUDA, não vende nada. Se você não se vê como vendedor, não importa a posição que ocupa, terá sérios problemas de relacionamento daqui prá frente. Durante o filme Chris Gardner ensina em alguns minutos como ser um bom vendedor. Ele devora a Bíblia da empresa (catálogos de produtos e treinamentos), ele desenvolve um método para falar com os clientes, ele se prepara antecipadamente para visitar os clientes, e PRINCIPALMENTE, ele renova a sua maneira de vender ao longo do filme. Nas primeiras cenas de Chris como vendedor ele não consegue marcar nenhuma visita, e quando consegue, parece um robô falando sobre a empresa. No final do filme, o Chris vendedor que você vê na tela está fazendo ligações de pós-venda, ele diz ao telefone “... Sr Johnson, eu queria agradecer pelo seu apoio no seminário do mês passado... Não, eu não quero vender nada..., só isso mesmo..., tenha um bom dia". O VERDADEIRO VENDEDOR compreende que ELE e SOMENTE ELE é o responsável pelos seus resultados, e, se não está conseguindo bater suas metas, ELE e SOMENTE ELE tem que se ligar que ELE e seu DISCURSO estão errados, e ELE, SOMENTE ELE, tem que mudar.

4. A Cavalaria não vai chegar, se vira! Quase no final do filme, Chris encontra o diretor de RH no banheiro do escritório. O diretor lhe dá os parabéns pelo trabalho bem feito nas contas da Pacific Bell. Chris, muito humildemente, ao invés de agradecer a Deus, fala "Muito obrigado..., eu conheci o pessoal de lá no futebol, peguei os cartões e fechei com eles...". OU SEJA, ele sabe EXATAMENTE como chegou lá, e, portanto consegue REPLICAR o sucesso. Coisa que 0,01% da população consegue responder. E aí que mora o problema: se você não sabe qual é a causa do seu problema (sempre VOCÊ), você não consegue resolvê-lo. Ou, se você não sabe a causa do seu sucesso, você não consegue replicá-lo.

Ou seja, não remova as montanhas do seu caminho! Elas estão te preparando para enfrentar o maior desafio da sua vida.


Fonte: Trechos do texto do www.bizrevolution.com.br.

Comentários

Postagens mais visitadas