Educação: Ensino fundamental no Brasil terá Educação Financeira



"As escolas públicas brasileiras deverão incluir a disciplina Educação Financeira no currículo do ensino fundamental até 2016. Assim, as crianças vão ter a oportunidade de aprender a ter responsabilidade com dinheiro desde a infância.

Orçamento doméstico, poupança, aposentadoria, seguros e financiamentos farão parte oficialmente do currículo das escolas públicas.

Alguns estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Ceará, Tocantins e Distrito Federal já incluem os conteúdos de educação financeira em seus currículos.

Os conteúdo de educação financeira serão distribuídos de forma interdisciplinar, nas aulas de matemática, história, ciências sociais e até português. 

Não haverá uma disciplina específica para educação financeira."

Fonte: TerraTv


Na minha opinião, deveria sim ter uma Disciplina Específica, chamada EDUCAÇÃO FINANCEIRA, para chamar ainda mais a atenção
da criançada.
Em muitas escolas particulares pelo país isso já é uma realidade.
Portanto se você é dono, sócio de uma escola particular, já vai pensando nesse assunto, antes que se torne uma lei e você tenha
que fazer tudo ás pressas, desembolsando mais dinheiro, de uma vez só para se adequar as regras.

Tome uma atitude em relação a isso agora, com calma, analisando orçamentos, calculando seus custos, buscando profissionais qualificados, etc.

Se deixar pra última hora, vai ter menos profissionais qualificados disponíveis no mercado, portanto seu custo será bem maior.  Pode ser que não tenha tempo para formar um professor da própria escola, para a disciplina de Educação Financeira.
Enfim, quem corre na frente, chega mais cedo e gasta bem menos...
Pense nisso!

Cristiano Brasil
Educador Financeiro
(48) 9949-7993
contato@i9investimentos.com.br




Comentários

Postagens mais visitadas